VIRADA CULTURAL 2009 EM JUNDIAÍ

É isso aí, chegou a Virada Cultural Paulista 2009 em Jundiaí. Feita para o povo com o dinheiro do povo!!!
Confira a Programação Completa da 2ª Virada Cultural de Jundiaí, que será realizada nos dias 16 e 17 de Maio, abaixo na última matéria, todas as informações sobre a presença do rapper e cantor Marcelo D2 e da Banda Gaúcha Cachorro Grande !!
Confira a Programação completa !!

Sábado dia 16 de Maio :
18h - Abertura Oficial com Vanguart
Considerado uma das grandes revelações do rock nacional dos últimos anos, o quinteto de Cuiabá é destaque no circuito alternativo, com um folk rock de letras melancólicas, irônicas e tom levemente surrealista, alternando inglês, português e espanhol. No repertório, músicas como Cachaça (que concorreu ao VMB 2006/2007 nas categorias Clipe Independente e Aposta MTV), Semáforo e Hey Yo Silver empolgam o público.
Local: PARQUE DA UVA

19h - Balé da Cidade
Em 1992, no Teatro Sérgio Cardoso de São Paulo, no espetáculo 1,2,3 de Luis Arrieta, estreou La Valse, duo especialmente criado para Mônica Kodato e Irineu Marcovechio, então bailarinos do Balé da Cidade de São Paulo. Nesse mesmo ano, a convite da direção dessa companhia, La Valse passou a fazer parte do seu repertório. Dualidade@BR mescla fados cantados por Amália Rodrigues com músicas de Wim Merttens, Henry Tourgue e do Grupo inglês Delirium... “O fado para mim é muito emocionante”, diz Gagik, coréografo do espetáculo.”Usei a ansiedade e a melancolia da canção para coreografar um amor constante e violento, quase tribal”. Frágil foi criada em 1997 para a Galili Dance e incorporado ao repertório do Balé da Cidade de São Paulo em 2005.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

20h- Venus Volts
Banda indie da cidade de Campinas, criada em 2002, tem inspiração em influências do rock inglês dos anos 1980 ao final da era grunge. As letras – sempre em inglês - misturam vocais femininos e masculinos apoiados por uma base experimental compacta. Os integrantes Pellê, Du, Dinho e Trinity fazem um som cheio de energia, com traços alternativos de punk.

20h - O Fabuloso Destino de Amélie Poulain
Com Audrey Tautou e Mathieu Kassovitz.Amélie vive em Paris. Trabalha como garçonete em um pequeno café e mora em um apartamento alugado, onde vive suas fantasias. Sua vida sofre uma transformação radical no dia em que descobre, em seu apartamento, uma antiga caixa cheia de objetos infantis. Classificação Indicativa: 10 anos.
Local: TEATRO GLÓRIA ROCHA

21h - Banda Querô
Composta por 10 integrantes, a banda foi formada nas oficinas de percussão do Instituto Arte no Dique – ONG que atua na periferia de Santos. Dando show de ritmo e harmonia, os músicos levam a batida envolvente de seus tambores de norte a sul do país, mostrando canções próprias e regravações de Gilberto Gil e Tim Maia.
Local: PARQUE DA UVA

21h30 - O - Homem da Tarja Preta
Com texto de Contardo Calligaris, o espetáculo fala sobre as dificuldades de ser homem no mundo moderno. Um pai de família renuncia aos deveres conjugais para se ocupar do trabalho que trouxera para casa. No meio da noite, sentindo-se solitário, ele entra em uma sala de bate papo da Internet, onde se depara com questões que o assombram desde sempre: “O que é um homem?”, “Como é ser homem?”.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

22h - Paris, te Amo
Coletânea de 21 curtas-metragens, de diversos diretores consagrados, sobre a cidade de Paris. Classificação Indicativa: 16 anos.
Local: TEATRO GLÓRIA ROCHA
Domingo dia 17 de Maio !!

0h - Marcelo D2 - Dia 17/05
Em seu novo trabalho, A Arte do Barulho, Marcelo D2 confirma sua versatilidade. Depois do sucesso como vocalista do polêmico grupo Planet Hemp, partiu para a carreira solo e revolucionou o cenário da música nacional, misturando hip hop e samba no premiado álbum À Procura da Batida Perfeita. Agora com mais rock’n’roll, ele faz um som para dançar e, ao mesmo tempo, refletir.
Local: PARQUE DA UVA

0h - Mawaca
No espetáculo Pra Todo Canto, o Mawaca recria formas ancestrais e incorpora temas sonoros de diversas partes do mundo, formando uma inventiva teia musical, também chamada pelo grupo de “tramas étnicas”. Como pano de fundo, cocos e cordéis nordestinos, mantras indianos, cangomas africanas e horos búlgaros criam uma verdadeira mandala sonora.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

2h - DJ Evelyn
Atua como produtora de trilhas sonoras para espetáculos, eventos culturais e vídeos, além de DJ das pistas. Há nove anos os primeiros passos de seu repertório brasileiro foram em casas noturnas na França e Alemanha. Sua pesquisa musical parte de ritmos afro-brasileiros e suas diversas nuances: do repente ao rap, do maracatu ao afrobeat, do acid jazz a eletro bossa. Passeiam ainda pelo seu repertório a boa black music, o samba-rock e o samba soul.
Local: PARQUE DA UVA

2h - Berlam Belozo & A Banda Larga
Berlam Belozo & A Banda Larga promovem uma apoteótica performance que faz o público se divertir ao lema de “pense e dance”. Donos de uma atitude exuberante e irreverente, subvertem vários estilos musicais através do humor e das letras inusitadas. Berlam é uma persona criada por Pedro Granato e suas letras foram musicadas em parceria com Amilcar Farina. Completam a banda o baixista Pedro Felicio e o baterista Caio Juliano.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

2h - Em Paris
Com Louis Garrel e Romain DurisO filme segue as aventuras sentimentais de dois irmãos – Jonathan, um conquistador, e Paul, deprimido depois da ruptura de um amor violento. Classificação Indicativa: 16 anos.
Local: TEATRO GLÓRIA ROCHA

3h30 - Íris, Paz y Amor – Zuzu Abu
O espetáculo teatral aborda, através de sete personagens, diferentes visões do amor. Com bom humor, música ao vivo e dança, as esquetes revelam episódios da vida amorosa de figuras características da cidade grande, cada uma simbolizando uma das cores do arco-íris.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

10h - Orquestra Contemporânea da terra
Dirigida por Benjamin Taubkin, a orquestra promoveo encontro entre a música tradicional e a contemporânea. Onze músicos desenvolvem sonoridades considerado um fenômeno dentro da cultura hip hop do país, conhecido por suas rimas e capacidade de improviso. Com diversos shows por todo o território nacional, ele já dividiu o palco com artistas de renome, como Cidade Negra, B Negão, MV Bill e Gabriel, o Pensador.
Local: PARQUE DA UVA

11h- Lúdico – Cia. Druwe
Espetáculo de dança feito para crianças, Lúdico apresenta o ponto, a reta e a curva como personagens com temperamento e personalidade próprias. Interagindo entre si através de movimentos corporais bem característicos, cada um se apresenta como opção a um pintor em fase de criação, ávido por preencher a tela branca.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

12h - Compacto Parlapatões – Os Parlapatões
Com dezoito anos de estrada, os Parlapatões apresentam, neste espetáculo, alguns dos mais divertidos números de seu repertório. Um show de variedades cômicas e circenses que vai agradar a adultos e crianças. Com linguagem inovadora, sem se esquecer da tradição do circo, quatro palhaços adaptam e relembram grandes sucessos parlapatônicos, como Águas Dançantes e Futebol de Palhaços.
Local: EM FRENTE AO PALCO DO PARQUE DA UVA

12h - Roda de Capoeira – Associação Cultural e Desportiva Grupo de Capoeira Nosso Senhor do Bomfim
A Associação Cultural e Desportiva Grupo de Capoeira Nosso Senhor do Bonfim tem efetuado trabalhos ao logo de mais de 25 anos resgatando todas as vertentes da Capoeira, objetivando em suas atribuições o resgate cultural da capoeira no cenário foclórico-social brasileiro, assim sendo, ministrando aulas, oficinas, rodas, aperfeiçoamento, projetos sociais e apresentações para entes públicos e privados.
Local: EM FRENTE À PINACOTECA MUNICIPAL

14h - Raízes Rasta
Formada em 1999, a banda de reggae formada em São Paulo tem três CDs lançados e mais de 25 mil cópias vendidas. Fazendo shows nas principais casas de todo o Brasil, os músicos emplacaram grandes sucessos entre o público jovem, como Luz do Sol e Sentimento Rasta.
Local: PARQUE DA UVA

14h - Heraldo do Monte
Considerado por Joe Pass e Hermeto Pascoal como o melhor guitarrista do mundo e por Paco de Lucia como um dos melhores violonistas do mundo, desenvolve um trabalho diferenciado com a Viola Nordestina, tendo seu CD com o mesmo nome — seu 12º — concorrido ao Grammy de 2000 e ficado entre os 5 finalistas, perdendo para Gilberto Gil. É considerado virtuose e mestre de todos os instrumentos de cordas dedilhadas ou de palheta.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

15h - Brincadeiras de Criança Curtas-metragens de animação realizados por cineastas franceses. Classificação Indicativa: Livre.
Local: TEATRO GLÓRIA ROCHA

15h15 - Inocentes
Anselmo, Clemente, Nonô e Ronaldo apresentam o show de seu trabalho Som e Fúria. Fazendo rock da melhor qualidade há 27 anos, os músicos prometem contagiar o público ao misturar canções novas aos seus maiores clássicos, como Garoto do Subúrbio, Rotina e Pânico em São Paulo.
Local: PARQUE DA UVA

16h - Eduardo dussek
Cantor, compositor e dono de um forte lado teatral, Eduardo Dussek envolve a plateia com performances inteligentes e debochadas, transformando seu show em uma divertida festa regada à boa música. Acompanhado de seu piano e um trio pulsante, o showman carioca mistura seus maiores sucessos, como Doméstica, Nostradamus e Rock da Cachorra, a covers, marchinhas de carnaval e novas e irreverentes canções.
Local: TEATRO POLYTHEAMA

16h - O rei Salomão - Trupe Koskowisck
Uma trupe de quatro palhaços com roupas coloridas, instrumentos musicais, malas e adereços conta, na rua, uma versão divertida e lúdica desta história bíblica. Para resolver a disputa entre duas mulheres por um bebê, o Rei Salomão precisará usar toda sua astúcia e inventar um método inusitado, que revelará quem é a verdadeira mãe.
Local: EM FRENTE AO PALCO DO PARQUE DA UVA

17h - Cachorro Grande
Eles se conheceram nas ruas de Porto Alegre, ainda nos anos 1990. Ralaram e se divertiram, fazendo shows pelo país até chegarem ao grande público, em 2005, com Pista Livre. Agora, com o novo Todos os Tempos, quarto álbum, a banda se mostra pronta para ampliar ainda maiso grande número de fãs que já curtem seu som inspirado no rock dos anos 1960 e 1970.
Local: PARQUE DA UVA

ENDEREÇOS :
Parque da Uva
Parque Municipal Comendador Antônio Carbonari Avenida Jundiaí s/n°
Teatro Polytheama Rua Barão de Jundiaí, 178
Pinacoteca Municipal de Jundiaí Rua Barão de Jundiaí, ao lado do Teatro Polytheama.
Teatro Glória Rocha Rua Barão de Jundiaí, 1.093

8 comentários:

Henrique Parra Parra Filho disse...

Olá, João

Venho aqui pedir ajuda na divulgação do '1º Encontro de adotadores jundiaienses'

Veja: http://votoconsciente-jundiai.blogspot.com/2009/04/1-encontro-de-adotadores-jundiaienses.html

A idéia e que, com o encontro, essa campanha cresça e ganha novo gás!

Adote um vereador

O Projeto Adote um Vereador tem por objetivo fazer com que os cidadãos acompanhem um vereador em suas atividades parlamentares

Bruna disse...

obrigada pelas informações
mal espero para ver Cachorro Grande
demais!!

Anônimo disse...

Muito bom parabéns pela iniciativa de divulgar este evento,sou membro da organização desse evento e trabalho na Casa da Cultura de Jundiaí. Temos eventos novos para este ano, para as bandas de garagem todo e qualquer estilo participa, desde que 50% dos integrantes estejam estudando .... o nome do evento, Maratona de Bandas Estudantis temos comunidade no orkut e no site da Prefeitura mais informações, ajude a divulgar tbm.falow

thico disse...

e ai rapaziada virada cultural vamos lá... pra quem curte o D2 ele esta previsto para a meia-noite de sab prara domingo.
prepare seu beck e vamos faze barulho.

Anônimo disse...

kara virada cultural tudo que deveria ter para esse jundiai bonba
com d2 ainda certeza q vai ser muita festa vamos curti e zuar muito

Rafael disse...

AI claro que a virada cultural vai ser muito show,,só que nem manjo muito os lugares em jundiai então alguem sabe ai os lugares q estão previsto para a festa são muito longe do lugar atual,???

Anônimo disse...

Hoje, após vários shows e uma bagunça de carros e gente, imaginei que poderia descansar sossegado na ÚNICA NOITE DA SEMANA que tenho para fazer isso

Porém, para meu azar começou um show de RAP. O " mano " já começou a gritar, em um volume incrivelmente alto : " Vamos fazer barulho " !!! . De tempos em tempos ele repetia essa frase. Nesses intervalos, ele tocava RAP e gritava palavrões. Muitos palavrões

Eu fui "beneficiado" pela autorização que a prefeitura deu para o show. Quem me informou isso foi a policia

É esse o respeito que os moradores de meu bairro merecem?

A festa foi ate as 5 da manha

Isso é uma vergonha

Anônimo disse...

Esse relato, amigos, é da "virada cultural "